Todo futuro comprador de um imóvel tem a mesma dúvida: devo comprar um imóvel na planta ou é melhor investir em imóveis prontos?

Independente se você está buscando um local para morar ou uma forma de investimento, é preciso considerar suas reais necessidades.

Para te ajudar a tomar a decisão correta, de forma segura, separamos os pontos positivos e negativos dos imóveis prontos e na planta. Confira a seguir!

Imóveis na planta

Inicialmente, é preciso esclarecer o que é um imóvel na planta. Esse tipo de empreendimento é aquele que está sendo lançado. Ou seja, ele pode estar em fase de planejamento, construção, finalização ou pode estar praticamente sendo inaugurado.

Vantagens

A principal vantagem de investir em um imóvel na planta é a maior flexibilidade de pagamento. Por oferecer condições melhores, não é necessário que o comprador tenha o valor total. A entrada, inclusive, pode ser menor que a dos imóveis prontos.

O número de parcelas pode ser acertado no momento da compra, considerando a duração da obra. Ainda pode financiar o restante do imóvel após o recebimento das chaves. E se você já tem uma boa parte do valor guardado, pode antecipar o pagamento. Consequentemente, você pode conseguir um desconto maior.

Outra grande vantagem, que faz muitas pessoas optarem pelo imóvel na planta é a possibilidade de ter um apartamento novinho em folha. De fato, é uma sensação incrível morar em um espaço que conta com as últimas tendências do mercado.

Finalmente, não poderíamos deixar de citar a maior liberdade que o comprador pode ter com relação a alguns detalhes do espaço, como revestimentos, pias e portas. Sem falar na maior facilidade para escolher a vista e o andar desejado.

Desvantagens

Como nem tudo são flores, quem opta por comprar um imóvel na planta precisa ter paciência. Afinal, é preciso esperar que as obras sejam finalizadas para que a mudança possa ocorrer. Nesse sentido, é fundamental ter atenção com relação ao histórico da construtora responsável, para que você tenha ainda mais segurança na hora de fechar o negócio.

Outras desvantagens dos imóveis na planta é a possibilidade de ocorrerem reajustes nos valores das parcelas, muitas vezes devido à inflação. Por essa razão, é importante considerar o valor total da compra e não apenas as parcelas. Além disso, em alguns casos também podem ocorrer mudanças estruturais, especialmente em obras que ainda estão em fase de planejamento.

Imóveis prontos

Diferente dos anteriores, os imóveis prontos são aqueles que já foram construídos e que estão finalizados. Eles podem ser novos ou já terem sido habitados por outras pessoas.

Vantagens

A grande vantagem que os imóveis prontos oferecem para seus compradores é a possibilidade de uma vistoria física antes da compra. Você pode conhecer todos os ambientes, a estrutura e cada um dos detalhes do espaço antes de fechar negócio. Ou seja, você sabe exatamente o que está comprando.

Outro ponto positivo é a possibilidade de se mudar rapidamente. Sendo que, em alguns casos, a mudança pode ser praticamente imediata. Além disso, também precisamos destacar a maior facilidade para financiamentos e a possibilidade de conhecer a vizinhança. Esse último fator, inclusive, pode ser decisivo.

Desvantagens

A principal desvantagem encontrada por compradores de imóveis prontos é que é preciso estar preparado. Afinal, o ideal é que o comprador tenha boa parte do valor já disponível. É claro que existem formas de solucionar essa questão, como utilizar o saldo do FGTS para a entrada e financiar o restante da compra. Porém, o mais recomendado é que a maior parte do valor seja pago à vista.

Também vale ressaltar que imóveis prontos antigos podem demandar manutenções e reformas que não estavam nos planos. Por esse motivo, é preciso redobrar a atenção durante as visitas e estar atento a todos os detalhes, para evitar possíveis surpresas desagradáveis.

Agora que você já conhece as vantagens de cada um, conheça os empreendimentos prontos e os lançamentos da SYM.